O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) recebeu seis reclamações disciplinares e pedidos de providências contra o desembargador Rogério Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4a Região (TRF4). Favreto mandou soltar o ex- presidente Luiz Inácio Lula da Silva neste domingo (8), mas depois de uma guerra de decisões o presidente do TRF-4, Carlos Eduardo Thompson Flores, manteve Lula preso. Há ainda uma representação contra o próprio Thompson e o juiz Sergio Moro, responsável pelo primeiro despacho que evitou que ele fosse solto.

Os pedidos foram protocolados no domingo (8) e nesta segunda-feira (9). Favreto foi filiado ao PT de 1991 a 2010, e foi nomeado ao cargo pela ex-presidente Dilma Rousseff, em 2011. Entre os autores da representações disciplinares estão o senador José Medeiros (Podemos-MT), o deputado Carlos Henrique Sampaio (PSDB-SP) e o Partido Novo, adversários políticos do ex-presidente. Há também ações movidas pela ex- procuradora do Distrito Federal Beatriz Kicis e pelo teólogo Mariel Marra.

Leia mais em: https://www.gazetaonline.com.br/noticias/brasil/2018/07/cnj-recebe-seis-representacoes-contra-juiz-que-mandou-soltar-lula-1014139100.html